Quando você pensa em poder de fogo computacional, qual é o limite? Uma CPU deca-core e 64 GB de memória RAM? E se eu dissesse que a Google pode te emprestar uma máquina com uma potência muito, mas muito maior do que essa? Sim, isso é possível graças ao Google Compute Engine, uma iniciativa do serviço de processamento da nuvem da empresa.

Por meio da plataforma de nuvem da Google, usuários consegue encomendar processamento computacional para lidar com diferentes tarefas. Se você não quer manter uma estrutura física para lidar com todo esse poder de fogo (seja lá o que você esteja fazendo), pode pedir para a Gigante das Buscas fazer o trabalho pesado para você. Mas qual é a novidade? A Google acaba de elevar o nível e tornar a opção mais parruda de máquinas virtuais ainda mais potente.

Captura de tela

Conforme você pode ver na imagem acima, é possível contratar umas máquinas que possui nada menos que 96 núcleos de processamento e impressionantes 624 GB de memória RAM. De acordo com a Google, as máquinas rodam com os novíssimos processadores Intel Xeon Scalable (geração Skylake). Essa nova geração possui 20% mais performance e 2x mais largura de banda quando comparado com a geração anterior.

A página da Google que anuncia a novidade lembra que também é possível customizar a potência da máquina que você vai contratar. Não precisa de tanto poder computacional assim? Então você pode diminuir a quantidade de núcleos ou memória RAM disponível para as máquinas virtuais contratadas. É lógico que isso deve ter um grande impacto no preço da plataforma, que agora está ainda mais versátil para quem depende desse tipo de serviço.

Cupons de desconto TecMundo: