O OkCupid está tentando acabar com a prática de envio de fotos sexualmente explícitas que são enviadas sem solicitação entre seus usuários.

Agora o app mostra uma mensagem, que está sendo chamado de “Juramento do Membro OkCupid”, que pede que as pessoas “mostrem respeito enquanto trocam mensagens”, alertando que o envio de mensagens não solicitadas que podem ser caracterizadas como assédio ou com conteúdo sexualmente explícito pode resultar em banimento.

A condição já estava prevista nos teremos e condições de uso, mas a empresa reconhece que essa parte é amplamente ignorada pela grande maioria dos usuários – a alternativa encontrada, então, foi colocar o alerta toda vez que uma nova conversa for aberta.

O problema de “nudes” indesejados afeta principalmente o público feminino e a OkCupid se apoiou em um estudo, conduzido pela psicóloga Dra. Belisa Vrnaich, que afirma que esse tipo de ação pode ser desestimulada: usuários de outros apps, como Tinder e Bumble, afirmaram que se sentem menos inibidos neles quando se trata de ultrapassar a linha que delimita o “flerte” do “ofensivo”.

“O ‘Juramento do Membro do OkCupid’ representa um novo gênero com uma premissa com grande potencial de ser bem-sucedida”, explica a Dra. Vranich. “Ela pede para você não exibir suas partes para os outros. O juramento é específico e informa você de que esse é um acordo entre você, outros membros e toda uma companhia que se orgulha de trabalhar incansavelmente para ser amigável para as mulheres”.

Cupons de desconto TecMundo: