Pesquisadores do laboratório de mecatrônica da Universidade de Chuo, no Japão, desenvolveram um robô que pode ser bastante útil para transportar objetos frágeis em áreas de difícil acesso. O TORo II, como é chamado, possui um sistema de locomoção baseado nas contrações musculares que vemos nos gastrópodes, moluscos que rastejam sobre o abdômen.

Os engenheiros escolheram copiar o design da lesma pela vantagem de ser muito eficiente em manter uma grande superfície no chão ao mesmo tempo em que se locomove, o que garante muita estabilidade. Além disso, o robô pode mudar de direção de maneira simples e rápida, o que seria muito mais difícil se ele tivesse rodas.

O próximo passo do projeto TORo II é fazer com que ele possa subir por superfícies íngremes, ou até totalmente verticais, usando métodos de sucção. Assim, a “lesma robótica” poderia alcançar qualquer lugar, seja na parede ou no teto.

Cupons de desconto TecMundo: