(Fonte da imagem: Reprodução/PayPal)

 Reuters. Por Jim Finkle e Alistair Barr - Hackers tomaram controle da conta da PayPal no Twitter por mais de uma hora nesta terça-feira, publicando críticas à empresa de pagamentos online.

O "sequestro" do Twitter da unidade britânica da PayPal aconteceu um dia depois de hackers terem tomado controle da conta de microblog da FoxNews, mandando falsas mensagens de que o presidente norte-americano, Barack Obama, havia sido morto a tiros.

No caso da PayPal, os invasores enviaram mensagens promovendo o paypalsucks.com, um site destinado a promover o que eles chamaram de "exposição ao pesadelo de fazer negócios pela PayPal".

As mensagens foram removidas horas após a invasão. "Desculpe, o perfil que você está tentando ver foi suspenso", informava o Twitter na página da PayPalUK

Um porta-voz da PayPal informou via e-mail que o ataque não afetou as operações da companhia nem suas redes internas de computadores. O Twitter não respondeu a pedidos de comentários.

A PayPal é subsidiária do site de comércio eletrônico Ebay.

 

Cupons de desconto TecMundo: