Motoristas com problemas de saúde podem ganhar um novo auxílio nos próximos anos. Graças às novas pesquisas da Ford, bancos de automóveis já podem ser fabricados com sensores que medem os batimentos cardíacos e também o nível de açúcar que existe no sangue do condutor.

Caso exista alguma alteração nos padrões cardíacos do motorista, mensagens são enviadas a centros médicos e então o carro será rastreado para que o atendimento chegue o mais rápido possível. Para quem tem problemas de glicemia, os alarmes podem ser emitidos internamente, avisando o condutor sobre seu estado de saúde e sobre a necessidade de ir a um pronto-socorro.

O projeto é uma parceria entre a Ford e a universidade Aachen (na Alemanha). Ainda em fase de testes, os primeiros protótipos têm conseguido grande parcela de acerto nas medições, o que significa que modelos com o banco-monitor podem chegar ao mercado europeu nos próximos anos. 

Cupons de desconto TecMundo: