(Fonte da imagem: LulzSec)

Um jovem de 19 anos foi preso pela Scotland Yard na manhã de hoje, suspeito de fazer parte do grupo hacker LulzSec. A organização foi responsável pelo ataque a diversos sites importantes, entre eles a Sony, CIA, FBI e a Agência contra o Crime Organizado (SOCA) da Inglaterra.

Segundo a polícia inglesa, o adolescente foi detido em sua casa em Wickford, no distrito de Essex, onde diversos materiais foram apreendidos para análise. A captura faz parte de uma operação programada após investigações acerca de uma série de ataques DDoS realizados por nas últimas semanas contra a CIA. O garoto estaria detido em Londres para responder a questionamentos da polícia.

Conexão com o LulzSec

Logo após a prisão do garoto, especulava-se que ele estaria envolvido com o grupo LulzSec, sendo inclusive o chefe da organização hacker. Entretanto, um pouco depois do ocorridom, a página do Twitter que pertence ao grupo desmentiu a informação com humor e cinismo.

(Fonte da imagem: LulzSec)

A prisão chega logo após a notícia de que o LulzSec havia se juntado ao Anonymous, outro grupo hacker, para atacar sites governamentais e organizações bancárias. Os dois grupos trazem a Sony como alvo em suas listas e pretendem mostrar como é frágil o sistema de segurança do governo e das grandes corporações.

Apesar de não ser permitido divulgar nomes de suspeitos apreendidos na Inglaterra, notícias afirmam que o garoto “nada tinha a ver com o LulzSec, já que os seis participantes do grupo estão bem e a salvo”.

Cupons de desconto TecMundo: