O trabalho de inclusão digital continua forte no Brasil. Agora, o Ministério da Comunicação quer contabilizar um total de 128 mil escolas públicas, urbanas e rurais, com internet de banda larga até o final de 2018.

A meta, que era prevista para 2025, foi levada para 2018 por meio do programa Brasil Inteligente. De acordo com André Figueiredo, o ministro das Comunicações, a ideia é integrar melhor o país ainda durante a gestão da presidente Dilma Rousseff.

"A internet rápida não é só um instrumento de acesso ao conhecimento, mas também um caminho para a redução das desigualdades das crianças e jovens das regiões Norte e Nordeste", comentou Figueiredo, segundo o TeleSintese. A velocidade que deverá ser levada para as escolas é de 78 Mbps.

Casas do programa Minha Casa Minha Vida também serão contempladas pelo Programa Inteligente, já que serão construídos dutos de internet para elas.

É válido notar que internet com boa velocidade e de fácil acesso significa um povo mais informado e pronto para estudar, ler, entender e brigar por direitos. Então, independente de partidos, ações que conectem pessoas sempre devem ser levadas em consideração.

A internet deveria ser de fácil acesso para todos? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: