O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro acatou, nesta quarta-feira (25/05), um pedido do Ministério Público de impedir que a empresa realize novas vendas até que todos os pedidos com entrega atrasada estejam nas mãos de seus compradores. A determinação passa a valer em todo o estado fluminense assim que a empresa receber a intimação oficial.

A entrada do processo contra a Americanas.com foi dada no início de janeiro pelo promotor Júlio Machado, depois que milhares de clientes frustrados queixaram-se sobre atrasos na entrega de pedidos feitos no fim do ano. O promotor explica que o site estava obrigando o consumidor a concretizar a compra para, só então, informar o tempo até receber o produto.

O Tribunal de Justiça determinou ainda que a empresa será multada em R$20.000, caso a exigência não seja cumprida. Além de aliviar os compradores angustiados, a medida visa uma mudança no hábito das empresas de comércio eletrônico, para que passem a vender somente quando tiverem condições de entregar dentro do prazo.

Cupons de desconto TecMundo: