Em um comunicado realizado nesta quarta-feira (9), a Telefonica anunciou que vai instalar um novo cabo submarino de quase 11 mil quilômetros para ligar as cidades brasileiras Rio de Janeiro e Fortaleza à norte-americana Virginia Beach e à porto-riquenha San Juan. A ideia é que a estrutura comece a funcionar no início de 2018. 

“O cabo vai melhorar as comunicações e oferecer uma maior resiliência mediante o aumento do número de pontos de acesso nos Estados Unidos, o desempenho geral da rede global e a segurança de ponta a ponta. [Também está nos planos] o fornecimento de um link com menor latência entre as duas maiores economias do continente, Brasil e Estados Unidos, proporcionando uma maior flexibilidade e escalabilidade do que outros sistemas implantados até hoje”, explicou a empresa em um comunicado. 

Com a medida, a Telefonica espera reforçar a sua liderança em infraestrutura na América, bem como permitir uma capacidade de transmissão ultrarrápida e, sobretudo, melhorar a confiabilidade das comunicações. 

Vale lembrar que a companhia também é a responsável pelo Unisul, cabo que liga o Uruguai e a Argentina, bem como pelo SAM-1, sistema de cabos submarinos em formato de anel que mede 25 quilômetros e une os Estados Unidos ao resto do continente americano e à Europa.

Na sua opinião, a instalação desse novo cabo pode oferecer algum tipo de vantagem à Telefonica? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: