(Fonte da imagem: Reprodução/SaferNet)

No dia 11 de fevereiro é comemorado o Dia Mundial da Internet Segura, data em que são relembrados alguns dos principais fundamentos relacionados à integridade dos dados dos usuários da web. Em 2014, o tema da campanha é “Construindo Juntos uma Internet Melhor”, sendo que aqui no Brasil a organização das ações e campanhas fica em cargo da SaferNet.

Apesar de o Dia Mundial da Internet Segura ser voltado para todos os públicos, um dos principais objetivos da campanha é conscientizar pais de que a utilização internet precisa ser fiscalizada para que seus filhos não tenham dados roubados ou que sejam aliciados das mais diversas formas. Também há a tentativa de conscientizar jovens e adultos que o cyberbullying pode ser um grande problema social e que, por isso, deve ser evitado.

Dicas das grandes empresas

Pensando na importância da data para a internet mundial, muitas empresas criaram guias que ajudam os consumidores a protegerem suas navegações. Uma dessas companhias é a Google, que atualizou o Google Safety Center com dicas bem legais.

(Fonte da imagem: iStock)

Em relação à proteção familiar, a Google propõe que os usuários realizem configurações de pesquisas para que resultados que exigem maior maturidade não sejam exibidos para crianças, por exemplo. Também há dicas que falam sobre a criação de filtros de conteúdo para o YouTube ou para redes sociais, além de modos de limitação de acesso a aplicativos e jogos para algumas contas. Quanto às contas pessoais, a Google criou também a página “Safety for Everyone”, em que são dadas dicas de proteção individual.

Entre as principais resoluções estão a criação de barreiras de segurança nas contas, gerenciamento de dados armazenados em nuvens e criação de alertas para determinados termos — como o próprio nome, a fim de evitar a utilização indevida de seus dados. Neste link você confere uma série de ferramentas bem interessantes sobre o tema. Abaixo, alguns tópicos abordados pela empresa de Mountain View:

  • Crie senhas seguras
  • Faça logout de sua conta em computadores compartilhados
  • Configure a segurança e a privacidade de seus serviços online
  • Use redes seguras
  • Trave seus dispositivos e telas
  • Mantenha seus aparelhos livres de malwares

O que pensam os internautas?

Em homenagem ao Dia Mundial da Internet Segura, comemorado em 11 de fevereiro, a empresa ESET preparou um levantamento com as principais estatísticas sobre a preocupação dos usuários da América Latina em relação à privacidade. O objetivo é conscientizar os internautas para os perigos e ameaças a que estão expostos e sugerir uma mudança na postura em relação à navegação na internet. Abaixo, seguem alguns dados:

  • 90% dos usuários consideram que terceiros podem acessar suas informações na nuvem
  • 88% dos entrevistados perderam informações pessoais por falta de backup
  • 82% dos usuários perderam dados importantes por quebra ou roubo do equipamento
  • 74% dos usuários de dispositivos móveis não possuem cópias de segurança de suas informações
  • 64% dos usuários desconhecem o que é autenticação dupla
  • 63% dos entrevistados já perderam ou tiveram roubados seus smartphones ou tablets
  • 58% dos usuários armazenam suas senhas em dispositivos móveis
  • 52% acreditam que as informações armazenadas nos servidores das redes sociais não estão completamente seguras

Cupons de desconto TecMundo: