A guerra pelo mercado de navegadores já é acirrada, mas vai ficar ainda mais sangrenta a partir de julho de 2015. Isso porque o Internet Explorer não para de cair no mercado, o Chrome sofre com as polêmicas sobre o consumo de memória RAM e o Microsoft Edge será introduzido com o Windows 10.

Na pesquisa mensal mais recente do Net Applications sobre junho de 2015, o Internet Explorer segue líder incontestável entre os consumidores — fato explicado não pela qualidade do produto, mas por ele ser pré-instalado nos computadores com Windows e muitas vezes não ser removido. Desta vez, entretanto, ele caiu pela primeira vez para a faixa dos 54%. É questão de tempo para que fique com menos da metade da porcentagem e seja cada vez mais obscurecido.

A boa notícia é que  IE 11, que é a versão mais atualizada, segura e estável do navegador, é a mais utilizada pelos consumidores.

Correndo atrás

Em segundo lugar, o Chrome subiu para 27,23%, crescendo pouco menos de 1% de maio para junho deste ano. Já o Firefox permanece tranquilo com o bronze, mas perdeu 0,1% e fecha o mês com 12,06%.

Safari (4,99%) e Opera (1,31%) fecham o principal ranking, com "Outros" ocupando 0,41% do mercado. Será que o Microsoft Edge vai ocupar o topo da lista ou ao menos incomodar os três líderes? Fique ligado no TecMundo para cenas dos próximos capítulos.

Cupons de desconto TecMundo: