O mercado atual pode estar cada vez mais cheio de dispositivos prontos para a Internet das Coisas, mas a maioria deles ainda sofre com uma enorme limitação: eles precisam ser controlados remotamente por você. É aí que entra o Sense, um aparelho desenvolvido pela empresa Silk Labs que promete trazer um “cérebro” para sua casa, capaz de adaptar o ambiente às suas necessidades automaticamente.

Com um design simples e discreto, que poderia facilmente se disfarçar de um enfeite qualquer na sua casa, este dispositivo consiste em um conjunto de câmera e microfone que são capazes de analisar o que ocorre ao seu redor, controlando os aparelhos IoT de sua casa de acordo com a situação.

É esse também o maior destaque desse pequeno aparelho. Diferente dos sensores comuns, o Sense é feito para se adaptar aos seus gostos automaticamente. Assim, quando você chegar em casa, o aparelho pode desde ligar as luzes a colocar sua música favorita para tocar ou mesmo ajustar a temperatura do ambiente para sua preferência; tudo depende das preferências de cada um.

Mas e se for outra pessoa chegando à sua casa? Não se preocupe. Usando tecnologias de reconhecimento facial, o Sense sabe quem é que está presente e se adapta de acordo. Da mesma maneira, ele também serve como um sistema de segurança extremamente suficiente, uma vez que ele só vai enviar avisos encriptados ao notar algum estranho na casa, no lugar de entrar em ação toda a vez que seu cachorro passar pela sala durante o dia.

Esses são apenas alguns dos exemplos como o Sense se adapta à situação, vale notar. Como o vídeo acima mostra bem, o dispositivo também pode ser configurado para identificar eventos ainda mais específicos: se um objeto cair no chão e quebrar, por exemplo, o sistema vai acionar automaticamente um robô-aspirador para limpar a bagunça.

Junte a isso também o fato de que o sistema operacional utilizado pelo Sense possui suporte a aplicativos externos, bem como o fato de que todo o seu controle é feito totalmente offline. O resultado é um aparelho que pode ser personalizado aos seus mínimos gostos, e que mantém sua privacidade ao máximo.

Chegando ainda em 2016

Sense está atualmente no Kickstarter; logo, os interessados em colocar as mãos nesse aparelho podem fazê-lo através da campanha. Para ter direito a um, é preciso fazer contribuições mínimas de US$ 249 (aproximadamente 995 reais, em uma conversão simples) ou de US$ 225 (R$ 900), caso seja um dos poucos a pegar a versão Early Bird do dispositivo. A previsão de entrega do produto é para o natal de 2016.

Quanto à meta da empresa, é bem provável que ela seja alcançada rapidamente: em apenas um dia, a equipe já conseguiu 25 mil dos 100 mil dólares da meta final para o financiamento. Mesmo se não bater o valor estabelecido, porém, o Sense chegará ao mercado – o projeto no Kickstarter é apenas uma maneira de atrair o público, sendo que o dispositivo em si já foi financiado.

Você já tem algum dispositivo IoT em sua casa? Comente no Fórum do TecMundo