I.A. da Google vai ajudar médicos na detecção de doenças oculares

1 min de leitura
Imagem de: I.A. da Google vai ajudar médicos na detecção de doenças oculares
Avatar do autor

A Google acabou de anunciar que sua divisão de inteligência artificial, a DeepMind, vai colaborar com o Serviço Nacional de Saúde (NHS) do Reino Unido para agilizar a detecção de doenças oculares e prevenir que problemas de saúde relacionados a visão cheguem a estágios irreversíveis em cidadãos britânicos.

Para isso, a I.A. da Gigante das Buscas vai analisar milhares de exames de vista cedidos pelo Moorfields Eye Hospital — o maior especialista em saúde ocular no país. Usando o conceito de machine learning, a máquina vai usar esses exemplos para “aprender” a identificar uma doença em seus estágios iniciais. A Google deseja diminuir sobretudo o número de casos de retinopatia diabética e de degeneração macular.

Vale a pena ressaltar que todos os exames que participarão do programa serão anônimos, preservando a identidade dos pacientes. Esta não é a primeira vez que a Google firma uma parceria com a NHS — ela também está trabalhando ao lado do Royal Free Hospital para desenvolver um aplicativo capaz de detectar insuficiência renal aguda.

Comentários

Conteúdo disponível somente online
I.A. da Google vai ajudar médicos na detecção de doenças oculares