Ainda que os novos processadores da Intel já estejam quase no mercado, pouco se falou até o momento sobre os detalhes mínimos da arquitetura Skylake. De acordo com informações publicadas recentemente no site alemão Heise Online, há uma novidade no mínimo curiosa nessa geração de CPUs (ou ao menos no modelo i7-6700K, testado pelo veículo gringo).

De acordo com a página, os processadores Skylake parecem ser equipados com uma tecnologia que funciona como um “hyper-threading inverso”, projetada para oferecer maior performance em processos single-thread (tarefa única). O que acontece é que vários núcleos físicos da CPU se reúnem em um único e poderosíssimo núcleo virtual, exatamente o contrário do que ocorre no conceito de hyper-threading tradicional.

Ainda conforme o Heise Online, essa tecnologia – que jamais foi comentada oficialmente pela Intel – faz com que o i7-6700K seja 170% mais rápido em tarefas single-threading do que o i7-4790K, da arquitetura Haswell. Em contrapartida, o veículo alemão percebeu uma diferença de apenas 20% entre as duas gerações na execução de processos de múltiplas threads. É provável que a Intel fale mais sobre esse “truque” no Intel Developer Forum 2015, evento para desenvolvedores que ocorre a partir de amanhã (18) em São Francisco.

Você está ansioso pela linha de processadores Skylake? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: