Mesmo que você não seja um grande entusiasta do desenvolvimento de plataformas de computação, é impossível negar a importância do IDF — Intel Developer Forum, um evento anual organizado pela Intel desde 1997. Foi nessa franquia que surgiram várias das tecnologias que vemos atualmente no mercado, incluindo as últimas gerações de processadores para computadores e mobile da companhia.

Mas, de acordo com um porta-voz da Intel, 2016 foi o ano do adeus para o IDF. Ou seja: não vamos mais conferir grandes apresentações da Intel aglomeradas em uma única estrutura. E o motivo para isso está na diversificação dos mercados atendidos pela empresa norte-americana.

A Intel acredita que os seus eventos atraem pessoas com as mais diversas expertises e é comum ver pessoas interessadas somente em uma ou outra área das apresentações. Por isso, a partir de agora os eventos da Intel vão ser mais direcionados. Ou seja: apresentações de soluções Mobile serão separadas das demonstrações de processamento de PCs, processamento de servidores, realidade virtual etc.

Com esse movimento, a Intel se junta a outras gigantes do mercado — Apple e Samsung, por exemplo —, que optaram por fazer apresentações mais focadas em poucos produtos ou linhas de produtos nos últimos anos. Qual será a próxima gigante a se despedir dos grandes eventos generalistas?

Cupons de desconto TecMundo: