Uma das parceiras da Google durante o desenvolvimento da tecnologia de mapeamento espacial em 3D para os dispositivos do Project Tango, a empresa de visão para computadores Movidius acaba de ser comprada pela Intel por uma quantia não revelada. Com a aquisição, a Gigante dos Processadores deve aprimorar sua tecnologia RealSense, que permite mensurar a profundidade em ambientes físicos e, assim, ajudar drones a desviar de obstáculos, fazer captura de movimentos e escanear objetos tridimensionalmente.

Segundo a Intel, a compra se integra a outros investimentos que a empresa vem fazendo em companhias da área de machine learning, deep learning e computação cognitiva (tipos de inteligência artificial). Com a união dessas áreas, a empresa espera construir um pacote de capacidades que consigam abrir “um mundo totalmente novo de possibilidades”, indo “de reconhecer objetos para compreender cenas” e “de autenticação para rastreamento e navegação”.

A Intel deseja aprimorar cada vez mais a visão das máquinas na era da inteligência artificial

A empresa ressalta que, conforme os dispositivos vão ficando mais inteligentes e chegando às mãos de mais pessoas, atributos específicos de processamento se tornarão essenciais para dar capacidade quase humana de visão aos 50 bilhões de aparelhos conectados previstos para 2020. Com a aquisição da Movidius, a Intel pretende acelerar os avanços na área com plataformas SoC de alta performance e algoritmos prontos para uso de técnicas de IA.

O que existe hoje?

Com escritórios na Califórnia, na Romênia e na Irlanda, a Movidius já teve tecnologias integradas em produtos do Project Tango, como o Lenovo Phab2 Pro. O aparelho faz uso de câmeras especiais para mapear espaços como o interior de shopping e possibilitar funções de realidade aumentada para permitir que você veja como um móvel vai ficar na sua casa antes mesmo de o comprar, por exemplo.

A Intel, por sua vez, vem demonstrando desde 2015 drones semiautônomos capazes de desviar de objetos em seu caminho e também está investindo agressivamente na linha RealSense há algum tempo. A Gigante dos Processadores ainda comprou outra companhia de visão para computadores, a Itseez, em maio deste ano.

Cupons de desconto TecMundo: