Lançado em outubro de 2000, o Baixaki está prestes a chegar ao seu 13º aniversário. Nesse tempo, ele se tornou o maior site de downloads do Brasil, sendo referência no segmento. É possível dizer que o Baixaki cresceu junto com a internet brasileira, e isso é visível até mesmo no número de pessoas que navegam pelas páginas do site.

Segundo a Rede Nacional de Ensino e Pesquisa, no final do ano 2000 apenas 5,7% da população brasileira possuía acesso à internet — o que não chegava a 10 milhões de pessoas. Hoje, a agência Brasil afirma que os internautas brasileiros já são 80,9 milhões — quase 50% da população do país.

E o Baixaki, que entrava no mercado em meio a um cenário pouco promissor — após o boom das empresas de tecnologia, parecia difícil emplacar algum serviço nesse segmento —, chegou ao ano de 2013 com 38 milhões de visitantes mensais, gerando tráfego em mais de 316 milhões de páginas no mesmo período (em média, 7 mil páginas são vistas a cada minuto).

O início das atividades

O nome do site é uma junção de duas palavras bem claras: “Baixe” e “Aqui”. Apesar de atualmente isso ser muito comum, no início dos anos 2000 não havia outros serviços de internet que utilizassem a mesma ideia. Pode-se dizer que o Baxaki foi inovador nesse aspecto. Com um nome fácil e diversos serviços de qualidade, não demorou para que o site começasse a ser difundido.

(Fonte da imagem: Reprodução/Baixaki)

Vale lembrar que houve um desafio bem importante que foi vencido pelo Baixaki nos primeiros anos. Naquela época, a internet banda larga era muito limitada — baixas velocidades e preços altíssimos faziam com que a internet discada fosse muito mais presente — e isso tornava difícil o download de aplicativos muito pesados.

Por isso, os funcionários da empresa (que foram apenas os dois fundadores, por quase quatro anos) realizavam um serviço de gravação e envio de discos pelo correio. Os usuários precisavam apenas pagar os custos das mídias e do envio, o que tornava o acesso aos aplicativos muito barato.

Os campeões de audiência

Nesses 13 anos, mais de 80 mil softwares já foram cadastrados nas páginas do Baixaki. E é claro que alguns programas realmente se destacaram e conquistaram o coração dos usuários com muito mais intensidade. No topo do ranking está o MSN Messenger, que já está fora do ar há algum tempo e ainda é o líder, com mais de 253 milhões de downloads.

(Fonte da imagem: Reprodução/Microsoft)

Com menos da metade dos downloads do líder, temos o antivírus Avast na segunda colocação com pouco mais de 108 milhões. Completando o pódio, está o compartilhador de arquivos Ares Galaxy, que soma mais de 103 milhões de downloads. Outro antivírus, o AVG, aparece no top 5 com 93 milhões, e o WinRAR completa a lista com 81 milhões.

O que faz o Baixaki ser líder?

É claro que o Baixaki não é o único site de downloads do Brasil, mas ele é o líder entre todas as páginas dedicadas a isso. E o que o faz ser diferente da grande maioria dos concorrentes? O Diretor de Conteúdo do site afirma que isso se deve ao fato de o Baixaki não recomendar softwares que não sejam muito bons. Todos os programas que chegam à capa do site são testados pelos redatores e somente os que forem satifatórios permanecem lá.

Você pode conferir as impressões da equipe do Baixaki por meio da seção “Nossa Opinião”, que fica logo abaixo das descrições dos aplicativos disponíveis. Lá, os redatores mostram suas impressões acerca de cada software, sendo que todos são treinados para revelar os fatores mais importantes, sejam eles positivos ou negativos, sobre os programas.

Também é preciso lembrar que já faz alguns anos que o Baixaki deixou de ser um site exclusivamente de downloads. Em 2008, artigos básicos sobre tecnologia e tutoriais sobre os programas mais acessados começaram a ser publicados no Blogaki — que, mais tarde, seria transformado no site Tecmundo.

.....

Ao todo, já foram realizados mais de 4,6 bilhões de downloads no site. E isso só deixa ainda mais claro que o Baixaki não seria o que é hoje sem os nossos maiores incentivadores: vocês. Por isso, mandamos nosso “muito obrigado” para cada uma das 38 milhões de pessoas que acessam o Baixaki mensalmente. 

Cupons de desconto TecMundo: