Demorou pelo menos nove anos desde a criação da Pixar até o lançamento do seu primeiro longa-metragem de animação para que a o mundo conhecesse aquele que viria a se tornar um dos estúdios de cinema mais rentáveis do mundo.

Nascida com uma divisão da LucasFilm na década de 80, criada por George Lucas, a Pixar inicialmente se chamava Graphics Group e era especializada na criação de softwares para computação gráfica. Uma das primeiras empresas a utilizar os seus serviços foi a Industrial Light & Magic, também de propriedade do criador da saga Star Wars.

O sucesso da companhia chamou a atenção de Steve Jobs, que adquiriu a empresa por apenas US$ 10 milhões (o equivalente a R$ 20 milhões). Seu carro-chefe passou a ser um software chamado Pixar Image Computer, que tinha a Walt Disney Company como um dos seus principais clientes.

Contudo, as vendas andavam em baixa e, em 1991, Jobs decidiu reestruturar completamente o grupo. A Pixar desistia da ideia de tentar vender programas e decidiu utilizar as suas criações por conta própria. Quatro anos depois, chegava aos cinemas o filme “Toy Story” e a história da animação mudava completamente.

O infográfico acima mostra a trajetória da empresa ao longo dos seus 17 anos de história no mundo do cinema, com 13 filmes lançados e um faturamento nas bilheterias que já ultrapassa os US$ 5 bilhões.

Fonte: AboutBoxOfficeMojo, Portal de Cinema e Wired

Cupons de desconto TecMundo: