Diga adeus ao guarda-roupa num futuro não tão distante (Fonte da imagem: Reprodução/Hypeness)

Pense nas vezes em que você vai ao shopping e na quantidade de sacolas que te acompanham ao sair de lá. Ou quando é preciso lavar quilos de roupas. Até mesmo o espaço físico que elas ocupam pode ser uma pedra no sapato. E se fosse possível imprimir todas as peças de roupa? É uma ideia que pode ser concreta num futuro próximo.

Pensando em otimizar a indústria do vestuário e beneficiar o consumidor final, o designer industrial Joshua Harris percebeu o grau de desperdício que existe no ramo e pensou numa solução “simples”: um projeto de impressora que produz nada menos que roupas.

(Fonte da imagem: Reprodução/Hypeness)

O sistema funcionaria da seguinte forma: em vez de gastar horas em lojas ou esperar dias pelos produtos comprados na internet, o consumidor compraria “cartuchos” – não exatamente os de tinta convencionais, nesse caso – nos quais todo o conjunto da roupa estaria contido: estampas, mangas, golas e, é claro, dimensões. Além disso, o projeto prevê que roupas velhas possam ser usadas como material para a impressão das novas. Soa econômico e sustentável? É o que parece.

Os cartuchos poderiam ser comprados diretamente com os estilistas. Na internet, o consumidor teria à disposição o molde a ser impresso com as estampas e materiais.

(Fonte da imagem: Reprodução/Hypeness)

Joshua Harris idealizou esse projeto tendo em mente o crescimento e as possíveis mudanças do planeta até 2050. Se sairá do papel ou não, só o tempo dirá. Um guarda-roupas "embutido" na impressora não seria má ideia!

Cupons de desconto TecMundo: