Você já ouviu falar da hidrocefalia? Trata-se de uma grave doença que faz com que o líquido cerebral fique acumulado na caixa craniana, expandindo o espaço do crânio e gerando pressão no cérebro. A pequena Hanhan, uma garotinha chinesa de três anos, sofria com esta anomalia, algo que resultou no aumento de sua cabeça para um tamanho quatro vezes maior que o normal.

Pela primeira vez, uma impressora 3D criou um “crânio” artificial com placas de titânio, algo essencial para salvar a vida da criança. Depois de 17 horas de cirurgia no hospital Second People, na província de Hunan, na China, a menina obteve com sucesso a parte de cima da cabeça, impressa com a tecnologia tridimensional.

Você acha que impressoras 3D serão o futuro da medicina? Comente no Fórum do TecMundo

Durante o procedimento, o escalpo e parte do osso de Hanhan foram removidos e o líquido acumulado foi drenado. A cirurgia foi um sucesso e a garota está bem, mas deve passar por mais procedimentos médicos para diminuir o tamanho do crânio.

Cupons de desconto TecMundo: