Testes em gravidade zero foram um sucesso (Fonte da imagem: Reprodução/Space.com)

Muitos dizem que a popularização das impressoras 3D vem rompendo as mais diversas barreiras.

Ao que parece, a NASA também pensa assim, pois está programada para 2014 a chegada de um desses equipamentos à Estação Espacial Internacional.

Tudo deve acontecer por meio de uma operação que envolverá a Agência Espacial norte-americana e uma startup dos Estados Unidos chamada Made in Space.

A NASA pretende avaliar o comportamento de um aparelho desse tipo quando ele está na chamada microgravidade. A ideia é que esse tipo de impressora seja utilizada no dia a dia das explorações espaciais, ajudando os astronautas na criação de ferramentas e equipamentos diretamente no espaço.

Profissionais experientes

Apesar de a experiência ser a primeira com uma impressora 3D sendo levada ao espaço, há muita gente gabaritada por trás do projeto. A companhia que está desenvolvendo o equipamento, por exemplo, conta com astronautas aposentados e profissionais de ponta do mercado de impressões 3D.

Para a realização de tal projeto, a Made in Space desenvolveu uma impressora pequena, do tamanho de uma caixa de sapatos. Ela fica enclausurada em uma espécie de cápsula de metal e há placas de vidro para que os astronautas possam acompanhar o progresso da impressão.

O envio deve acontecer em agosto do ano que vem e, até lá, o equipamento deve passar por mais um teste em voos suborbitais – e que simulam as condições de gravidade da estação espacial. Até agora, nas três avaliações realizadas, a impressora 3D conseguiu trabalhar com perfeição. Será que no ano que vem teremos os primeiros produtos Made in Space já criados pelo ser humano? 

Cupons de desconto TecMundo: