Se há um motivo que impede muitas pessoas de se interessarem por uma impressora 3D (além do preço, é claro), certamente seria a dificuldade que temos em modelar um objeto. Afinal, aprender a utilizar um programa de desenho tridimensional não é uma tarefa das mais fáceis.

Mas um grupo de pesquisadores do Chile encontrou uma solução para esse problema: e se, no lugar de precisarmos desenhar tudo do zero, nós pudéssemos simplesmente pensar no objeto desejado? O resultado é o vídeo acima, que mostra a primeira mão 3D feita mentalmente.

Como funciona

Para chegar a isso, o grupo utilizou uma técnica extremamente simples de usar. Com a ajuda de um sensor neural, um software desenvolvido por eles capta suas emoções; ao mesmo tempo, a pessoa com esse sensor é apresentada a uma série de modelos 3D em uma tela, que agem como estímulos visuais.

Ao fazer isso, o programa consegue entender seu gosto, fazendo com que um modelo novo “evolua” a partir de várias bases. O resultado é um método extremamente fácil de criar formas 3D simples – tanto que os desenvolvedores da tecnologia pretendem usar o projeto para fazer uma exposição de monstrinhos “pensados” por crianças.

Cupons de desconto TecMundo: