No começo do mês, a chinesa Huawei apresentou ao mundo o Mate 9, a nova versão do seu smartphone top de linha, um phablet com especificações intermediárias e tela de 5.9 polegadas. Alguns vazamentos já indicavam que a empresa deveria anunciar uma versão mais premium do aparelho em breve e foi isso que ela fez nesta segunda-feira.

O Mate 9 Pro tem uma tela menor que a sua versão mais básica, com 5.5 polegadas, mas compensa isso com o restante das especificações: resolução Quad HD, 6GB de RAM, até 256GB de armazenamento interno, câmera traseira de 20MP e frontal de 12MP.

Imagem do Mate 9 Pro divulgada na rede social chinesa Weibo

Outra diferença é o design, com a tela curvada nas bordas, semelhante ao que já vimos no Galaxy S7 edge e em outros modelos da Samsung. Ele traz ainda um processador Kirin 960 e uma GPU Mali T720.

São especificações bem parecidas com a do Huawei Porsche Design Edition, que foi anunciado junto com o Mate 9, mas veio com um preço sugerido mais alto, de 9 mil yuan (R$ 4500, em conversão direta), tentando atrair os fãs da marca de automóveis.

O Mate 9 Pro será lançado em duas versões: uma com 4GB de RAM e 64GB de armazenamento, custando 4,7 mil yuan (R$ 2350), e outra com todos os 6GB de RAM e 256GB de armazenamento, com o preço de 5,3 mil yuan (R$ 2650). Ainda não há informações sobre um possível lançamento fora da Ásia.

Cupons de desconto TecMundo: