(Fonte da imagem: Reprodução/DualShockers)

Em uma série de tweets trocados com fãs, o CEO da Razer, Min-Liang Tan, afirmou que o motivo de a empresa não fazer acessórios para o PS3 é que o executivo quase nunca joga no seu próprio console. Ele afirmou que sua empresa desenvolve periféricos que ele, como gamer, desejaria usar, mas não descartou a possibilidade de criar hardware específico para o PS4.

Tudo começou com um post de Tan em que ele afirmou estar “tirando a poeira” de seu Playstation 3 para jogar The Last of Us. Após afirmar que se interessa muito por jogos com uma boa história, o presidente escreveu uma mensagem em que disse que o motivo de sua empresa não fazer acessórios para o console da Sony é ele quase não passar tempo com o seu.

A reação foi imediata, com fãs do PS3 atacando o executivo e fazendo acusações de que ele estaria sendo egoísta. “Por que isso é egoísta? Eu desenvolvo coisas que realmente desejo como um gamer, em vez de de vendê-las para jogadores pelo dinheiro”, respondeu.

De olho no futuro

Tan admitiu que sua decisão pode ter sido arbitrária, mas reforçou que devem haver games que ele gostaria de jogar no console. “Eu realmente gosto de inFamous, então espero também apreciar The Last of Us”, afirmou o executivo, que também disse ter gostado de títulos como God of War e Uncharted.

Quando questionado se a nova atenção ao seu PS3 poderia significar acessórios para o próximo console da Sony, o CEO respondeu que está esperançoso por conta do que viu na E3. “Nós definitivamente vamos estar atentos ao PS4, mas não faço nenhuma promessa”, acrescentou.

 

 

Via BJ

Cupons de desconto TecMundo: