Desde o seu lançamento em meados de 2007, o netbook Asus EeePC tem conquistado muitos usuários em todo mundo, por causa de sua praticidade. Nunca os notebooks foram tão pequenos e funcionais antes da sua chegada no mercado.

Sua primeira versão, o EeePC 700 era bastante prático, contudo, seu monitor era pequeno demais ( 7 polegadas) e o espaço em em disco não dava conta do recado (4 GB SSD). O eeePC 900 foi lançado no mercado alguns meses depois, cujo monitor possuía o tamanho de 9 polegadas, contando com 20 GB SSD de armazenamento.

Entretanto, foi na série eeePC 1000 que a ASUS lança o seu melhores equipamentos, ainda bastante práticos, mas possuindo configurações muito superiores comparadas com as séries 700 e 900. Agora é possível aproveitar quase todo o potencial de um notebook padrão dentro de uma telinha de 10 polegadas. Por esse motivo, desenvolvemos a análise deste fantástico portátil, utilizando de um de seus principais modelos, o ASUS EeePC 1000HA.

 

O fabuloso Asus EeePC 1000HA


Especificações

Processador

Intel(R) Atom ™ CPU N270 @ 1.6 Ghz (512 K L2 570 FBS)

Chipset

Socket 437 FCBGA8

Memória

1 GB 667 MHz DDR2 SDRAM (Max 4 GB)

Disco Rígido (HD)

160 GB 7200 RPM SATA

Tela

10 Polegadas Backlight (WSVGA, 1240x600 pixels)

Placa de vídeo

Integrada (Intel GMA 950 )

Sistema Operacional

Windows XP Home SP3 (no HD)


USB

Sim (três portas)

Saída de vídeo

Sim (VGA)

Wireless

Atheros AR5007EG (802.11b/g)

Bluetooth

Não

Rede Local

Controlador AR8121 PCI-E Ethernet (100 Mbits)

Leitor de cartão

1 Slot para SD (Secure Digital)

Câmera

1.3 MPixels

Fone/Microfone

Sim


Peso

1,450 Kg

Dimensões

26,6 cm x 19,1 cm x (2,85 cm ~ 3,8 cm)

Bateria

 Li-ion de seis células



Prós

  • Teclado grande e confortável (aproximadamente 92 % dos nootebooks convencionais)
  • Preço equilibrado
  • Leve, pequeno e prático
  • Windows XP se adequa bem às configurações de hardware
  • Uso do processador Intel Atom 1.6 Ghz


Contras

  • Não acompanha bluetooth
  • Autonomia da bateria pode ser menor que a prometida
  • Não possui drive de CD/DVD, como todo netbook


Vale a pena?

O EeePC é um netbook bastante leve e prático, ideal para o uso de situações que exigem mobilidade. Possui um ótimo processador(Intel Atom 1.6 Ghz) e um HD bastante espaçoso (160 GB). O aparelho é vendido por um preço justo (em torno de mil e quinhentos reais), visto suas configurações. Por isso, é possível afirmar, sem sombra de dúvidas, que é um dos melhores portáteis da categoria em custo benefício.

Embalagem e conteúdo

Em primeiro lugar, o EeePC 1000HA está desponíveis em duas cores distintas, preto e branco. A sua caixa é bastante chamativa, principalmente por possuir um ótimo layout e cores bonitas.

Caixa do EeePC

Após abri-lá, nos deparamos com um “case” resistente protegendo a máquina em si, o qual é aberto e fechado através de um zíper. Manuais de instruções (inglês), DVD de personalização do Windows XP, cabo de energia e fonte de alimentação também acompanham o produto. Ao abrir o case, o netbook está envolvido por um tecido de TNT, que por sua vez também está presente entre o teclado e a tela de monitor. Observando todos esses elementos, é possível perceber uma grande preocupação da Asus com a integridade do produto.

Visão frontal

Design

O 1000HA fechado a primeira vista pode parecer até um livro, visto o seu design semi-arredondado nas bordas.  Seu de visual frontal, apesar de bonito, é bastante simples, não possuindo nenhum elemento muito chamativo.

lateral direita

Observando a lateral direita do aparelho, o usuário irá se deparar com as seguintes portas: um leitor de cartões SD(1), duas portas USB (2) e (3), saída de vídeo VGA(4) e conector de alimentação de energia (5). 

lateral esquerda

Já na lateral esquerda temos uma trava do monitor (6),  um conector de rede ethernet (7), uma porta USB (8) , uma saída para ventilação de ar (9), um conector para microfone (10), um conector para headphone (11). Não existem outros plugs na parte superior e inferior.


Sistema operacional

O sistema operacional Windows XP Home SP3, idioma inglês, já vem pré instalado na máquina, bastando somente informar as configurações de finais, como nome dos usuários, tipo de conexão de rede, etc. Não foi necessário recarregar toda a bateria para começar a usar a máquina.

Windows XP


A versão do Windows instalada já vem configurada com vários aplicativos desenvolvidos pela Asus, que visam proporcionar uma excelente experiência do usuário com o netbook, como ferramentas para o gerenciamento de energia e configuração de desktop. Falando sobre a parte visual, os ícones estão maiores que o normal, o que torna sua interface bem amigável, apesar de rodar em uma tela de 10 polegadas.

Além dos 160 GB de HD, o usuário do 1000HA conta com o recurso chamado EEE Storage, o qual permite o armazenamento de arquivos em um drive remoto com 10 GB de tamanho. Esta funcionalidade é ideal para a realização de backups de arquivos importantes.

Para instalar o Windows XP em português, basta conectar um drive de CD/DVD externo (não acompanha o produto) através de uma das portas USB, inserindo a mídia de instalação. No final do processo, insira o DVD de personalização do Windows XP (que acompanha o produto) no drive e siga as instruções.

Tempo de uso da bateria


A bateria do EeePC 1000HA deveria durar até 7 horas de uso no Windows XP, conforme as especificações técnicas do produto. Contudo, seu tempo real de uso contínuo é de aproximadamente de 5 horas, duas a menos que o prometido. O motivo dessa diferença é o fato de que várias unidades do 1000HA acompanharem baterias do modelo 1000H. Portanto, caso você adquira o aparelho, o tempo da bateria vai depender diretamente da questão discutida acima.

Bateria EeePC



O usuário pode optar também entre vários modos de gerenciamento de energia, dependendo do tipo de tarefa a ser realizada na máquina:

  • Power Saving: como o próprio nome diz, é o modo utilizado para a economia de energia. Após algum tempo inativo, o monitor vai diminuindo o brilho gradativamente até que a tela apague completamente. Consequentemente, o processamento diminui consideravelmente, principalmente em aplicações gráficas. Este método aproveita o tempo máximo da bateria (5 ou 7 horas).
  • Super Performance: neste modo, o processador trabalha com toda a sua capacidade, sendo ideal para rodar jogos 3D ou aplicativos para edição gráfica. Por esse motivo, o consumo de energia aumenta, descarregando a bateria ( se a máquina não estiver conectada na energia)  com o dobro da velocidade, comparado com o Power Saving.
  • High Performance: seu desempenho é bastante alto, mas não tanto quanto o Super Performance. Seu uso é recomendado para quem deseja alto desempenho sem gastar tanta energia.
  • Auto Mode: permite que o próprio notebook mude as configurações de energia conforme o necessário. Por exemplo, se tarefas leves estiverem sendo executadas a performance computador se assemelha ao “Power Saving”. Já em atividades que exigem processamento, o desempenho se aproxima ao “High Performance”.


Testes de Desempenho


Existe um programa chamado SuperPI que realiza testes de desempenho calculando casas decimais do número PI. O usuário escolhe o número de dígitos e o aplicativo registra quanto tempo o cálculo demorou.  Por exemplo, para um milhão de algarismos, no modo “Super Performance” o resultado obtido foi de 1 minuto e 23 segundos.  Como base de comparação, algum tempo atrás realizamos o mesmo teste no Netbook “HP Mini-Note PC 2133”, cujo resultado foi de 5 minutos e 22 segundos. Logo, o EeePC 1000HA foi aproximadamente quatro vezes mais rápido.

SuperPI

O resultado acima foi obtido por  meio do processador Intel Atom N270  1.60Hz, que por sua vez é muito melhor que seus concorrentes.  O HP Mini-Note perdeu por tanta diferença por usar o VIA-C7 1.6, que é muito inferior comparado ao Atom. Além disso, o uso de 1 GB de ram é suficiente para rodar muito bem um sistema como o Windows XP.  Agora, vamos testar o seu desempenho em jogos 3D.

Vídeo e Games 3D

Rodar jogos em três dimensões não é um dos principais focos do EeePC 1000HA, contudo, este aparelho surpreendeu pela sua capacidade de realizar esta tarefa. Entretanto, não se pode exagerar tentando rodar games atuais, como Crisis ou GTA 4, visto as configurações modestas da máquina.
Pensando nisso, escolhemos Doom 3 e Need For Speed Underground 2, que não são tão novos, mas ainda possuem uma boa qualidade visual comparados com o padrão atual.

Doom 3

Doom 3 foi um fenômeno quando foi lançado (em 2004), pois exigia uma placa gráfica de 512 MB de memória de vídeo, valor que não era comum para o hardware da época. Somente uns dois anos depois seu potencial pôde ser completamente explorado pelos gamers em geral. É claro que os nossos testes não têm essa pretensão, por isso, escolhemos a menor resolução possível (800 x 600) e todos efeitos gráficos desativados.

 

Doom 3


O game rodou da forma “jogável” para nossa surpresa, apresentando um frame rate baixo mas aceitável em grande parte do tempo. Por meio do aplicativo Fraps, obtemos a média  de 10 FPS. Quando aparecem inimigos na tela, a performance do game cai bastante. Contudo, só o fato de um jogo como esse rodar já é um ponto positivo.

Need For Speed Underground 2

Need For Speed Underground 2, ou então NFSU2 como é conhecido, também é outro jogo que marcou época. Seus jogadores podem passear com carros do ano por uma cidade fictícia, desafiando rivais em corridas, visando lugares, lojas de carros e de peças. Do ponto de vista gráfico, NFSU2 trouxe diversas inovações  por meio de efeitos especiais para jogos de corrida.

Need For Speed Underground 2



Novamente escolhemos a opção de rodar o game com a resolução e efeitos especiais mínimos. Os resultados podem ser avaliados como satisfatórios, pois, apesar da média de frame rate ter sido somente 17 ( através do Fraps), não houve nenhum problema de travamento. Em outras palavras, é possível jogar NFUS2 sem grandes problemas.

Áudio

O sistema de áudio utilizado no 1000HA é bastante comum, sem efeitos especiais, contudo, tudo funciona da maneira correta. Seus speakers tem aproximadamente a  mesma potência comparado com os demais notebooks. Apesar de estarem organizados na parte inferior do aparelho, seu design evita que o som fique muito abafado.

MúsicaRealizamos testes bastante ecléticos, que variam desde o Heavy Metal de bandas como o Dream Theater, Pantera e Iron Maiden; passando pelo som sertanejo de Gian e Giovani; pela psicodelia eletrônica do psytrance; pelo Hip Hop de Eminem e pela música clássica de Mozart. Os resultados apontam que os speakers não são suficientes fortes para o Heavy Metal, mas são muito bons para as batidas do psytrance e do Hip Hop. No caso da música sertaneja e clássica, as caixas se adequaram bem, mas sem nenhum destaque.

Speakers de notebooks não são capazes de reproduzir músicas de maneira completamente confortável. Contudo, o sistema de headphones do 1000HA funciona muito bom, aproveitando ao máximo a capacidade sonora do aparelho.

Teclado e Touchpad


Ao contrário de seus antecessores ( série 700 e 900), o teclado deste modelo é bastante confortável, possuindo cerca de 92 % do tamanho dos Notebooks convencionais. Pessoas que possuem mãos maiores que o normal podem ter algum problema no primeiro uso, mas nada que seja difícil de acostumar. Para grande maioria das pessoas, é um teclado confortável de utilizar.

As hotkeys são um recurso bastante útil do ponto de vista da praticidade, por permitirem que seus usuários acessem funcionalidades por meio de uma única tecla. Entre as tarefas suportadas, podemos citar: ligar/desligar rede wireless (Fn + F2), acender/apagar o monitor (Fn + F7), alternar entre modos janela e full screen (Fn + F9).

Teclado 1000HA



Existem ainda quatro botões localizados na parte superior das teclas F1, F2, F3, F4, que possuem a função de desligar a tela, mudar a resolução, alterar o consumo de energia e abrir o skype.

O seu touchpad é bastante parecido com os notebooks tradicionais, possuindo como diferença a localização dos botões na parte de baixo e não ao lado. Seus modos de operação são semelhantes aos demais laptops, o que facilita o uso para quem já está acostumado com eles. Já para quem não costuma usar, nada que algumas horas não resolva o problema. Caso você possua um mouse USB, é possível desabilitar o touchpad.

Considerações Finais

Por todas as questões discutidas neste artigo, é possível afirmar que o EeePC 1000HA é um ótimo produto lançado pela Asus, visto todo o seu equipamento. Com um processador de 1.6 Ghz da Intel e HD de 160 GB, seu usuário poderá aproveitar muito do potencial existente em um notebook convencional, sem abir mão da portabilidade e comodidade da série eeePC.

O seu preço de venda, entre 1500 e 1700 reais, é bastante justo pelo hardware contido no aparelho. Por este motivo, caso você esteja interessado em um bom netbook, sem gastar muito do seu bolso, o Asus EeePC 1000HA é uma ótima alternativa. O maior cuidado que deve ser tomado é verificar se a bateria presente é realmente a do 1000HA.

Cupons de desconto TecMundo: