Ampliar (Fonte da imagem: The Verge)

Você certamente já deve ter sofrido com a lentidão em seu computador por conta da baixa memória instalada. Apesar de incômodo, esse problema é muito comum, principalmente quando tentamos instalar um jogo novo em uma máquina não muito potente. Contudo, essa dor de cabeça pode virar coisa do passado.

Um estudo realizado pela IBM e pela Micron desenvolveu um conceito de memória RAM que é muito mais rápida do que as peças utilizadas atualmente. Prova disso é que o componente é capaz de transferir até 128 GB por segundo, dez vezes mais do que estamos habituados a encontrar hoje em dia.

Para fazer com que essa grande quantidade de dados não se “perca” durante a comunicação, foram desenvolvidos pequenos canais de silicone chamados TSV, que foram colocados dentro da estrutura da própria memória, como pode ser visto na imagem acima. É graças a esses pequenos “tubos” internos que o ótimo resultado de velocidade foi possível.

Além disso, a novidade também se destaca pelo espaço ocupado. Ao adotar um formato tridimensional em que os chips são postos verticalmente, a parceria conseguiu construir uma peça que chama a atenção também por seu tamanho reduzido.

Segundo a IBM, a ideia é comercializar esse novo tipo de memória já nos próximos dois anos.

Cupons de desconto TecMundo: