Depois de tanto tempo focada apenas no desenvolvimento de suas câmeras, parece que a GoPro resolveu aproveitar o anúncio da quarta geração de seu dispositivo para apostar em outras áreas e abocanhar uma fatia do mercado que ela mesma ajudou a criar. Prova disso, por exemplo, foi o anúncio recente da empresa, que revelou uma plataforma de licenciamento e monetização de vídeos. Mas ela não vai parar só nisso.

Em uma reunião de acionistas que ocorreu no dia de ontem, o presidente da companhia Tony Bates revelou que a GoPro também está trabalhando em um aplicativo de edição e compartilhamento de vídeos para dispositivos móveis. Nada foi dito sobre seu funcionamento, mas foi revelado que ele está em fase final de teste, com expectativas de lançamento para os próximos meses.

Não é preciso ser nenhum gênio para entender o objetivo de tal software: com seu serviço de vídeos chegando, a GoPro quer o maior número possível de pessoas trazendo conteúdo à plataforma. E não apenas com rapidez, como também com a possibilidade de editar gravações com facilidade nos mais variados aspectos, onde quer que estejam. Assim, trazer um app que resolve exatamente essa necessidade do público é a melhor escolha.

Você licenciaria seus vídeos com a GoPro? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: