Um caso interessante e curioso aconteceu com um ex-colaborador da Google que brincava na internet em uma madrugada. Sanmay Ved estava tentando aprender mais sobre a interface do Google Domains e, a título de piada, procurou o domínio Google.com. Para sua completa surpresa, ele estava disponível para compra, o que ele tratou de realizar imediatamente.

O histórico de compras de Ved passou a exibir o domínio Google.com como sendo dele.

Ved fez todo o processo necessário para adquirir o Santo Graal dos domínios, e aparentemente tudo tinha dado certo. Nenhum erro apareceu antes dele receber a notificação de ter sido creditado os US$ 12, cerca de R$ 48, valor padrão pago em endereços da web através da Google.

Dono do Google.com!

O histórico de compras de Ved passou a exibir o domínio Google.com como sendo dele e, o mais interessante, o Google Search Console dele foi atualizado automaticamente com mensagens relacionadas ao webmaster do domínio, comprovando de fato que ele passara a ser o verdadeiro dono do Google.com.

Porém, como era de se esperar, logo em seguida a compra foi suspensa e Ved recebeu um email indicando o cancelamento. Isso foi possível pois a venda foi realizada pela própria Google que, ao perceber a falha, tratou de desfazer o negócio imediatamente, ao contrário do caso semelhante que aconteceu com a Microsoft, que esqueceu de renovar a posse do domínio Hotmail.co.uk e o perdeu. O problema é que como outra empresa comercializou esse domínio, a Microsoft não pode simplesmente cancelar a aquisição e pegar o endereço de volta.

No fim das contas, ficou para Sanmay Ved uma experiência mais do que curiosa e o gostinho de ter sido dono do Google.com, mesmo que por apenas um breve instante.

Qual é a melhor maneira de se garantir um domínio importante na internet? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: