A Google continua firme na sua aquisição de empresas com produtos específicos que se destacam dos concorrentes e podem fortalecer o império da empresa. Após comprar a especialista em design de produtos Gecko, há menos de uma semana, o novo nome a integrar as fileiras da Google é a Zync, juntamente com seu serviço voltado para efeitos visuais chamado Zync Render.

Baseado na nuvem, o Zync Render é um serviço que pode ser contratado por estúdios de cinema ou outras produções para fazer o trabalho sujo da renderização de efeitos especiais. Normalmente, esse processo demanda que as produtoras tenham todo um setor de computadores e pessoal dedicados ao pesado processamento das cenas, gerando um alto custo de hardware e infraestrutura em geral.

O poder da nuvem

A plataforma da Zync oferece opções de processamento escalável, armazenamento e suporte a diversas aplicações e plugins de efeitos 2D e 3D. Apesar de o site do Zync Render avaliar o produto como uma alternativa viável para projetos pequenos e medianos, o serviço foi usado para aplicar efeitos em diversos filmes de Hollywood, como “Star Trek: Além da Escuridão”, “Transformers” e “Looper: Assassinos do Futuro”.

Na página do produto, há um pronunciamento oficial, que conta que a parceria com a Google deve trazer melhorias no que é oferecido aos clientes “incluindo mais escalabilidade, novos pacotes de hospedagem e melhores preços (com cobranças por minuto)”. Esse modo de cobrança é um bom diferencial, já que, em geral, esse tipo de serviço é vendido por hora, e nem sempre as produções precisam de uma hora cheia para ter o trabalho concluído.

Fundada em 2011, a Zync era cliente, até há pouco tempo, do serviço online de processamento e hospedagem Amazon Elastic Compute Cloud, da Amazon. Agora, porém, toda a estrutura do Zync Render deve migrar para a Google Cloud Platform. “Estamos empolgados por eles estarem se juntando a nós. Teremos mais detalhes para compartilhar em alguns meses – fique ligado!”, é o que diz um post no blog de Belwadi Srikanth, gerente de produto da Google.

Dados financeiros do negócio – fechado nesta terça-feira (26) – não foram revelados e, ainda que seja um integrante de peso para expandir os aplicativos da Google na nuvem, ficamos na espera para saber quando o serviço estará disponível através dos servidores da gigante da internet.

Cupons de desconto TecMundo: