(Fonte da imagem: googlediscovery)

Por Bruno Capelas

São Paulo (AE) - Os gastos com publicidade direcionada para dispositivos móveis chegaram a US$ 18 bilhões em 2013, em crescimento de 105% com relação a 2012 segundo pesquisa divulgada pela consultoria eMarketer, especializada em anúncios eletrônicos. O crescimento da última temporada foi puxado pelos gigantes Google e Facebook, que, juntos, alcançaram US$ 6,9 bilhões, ou cerca de 38% do faturamento total.

O Facebook foi quem mais cresceu em 2013: sua participação no mercado saltou de 5,4% para 17,5% da publicidade mobile; já o Google perdeu espaço, indo de 52,6% para 49,3%. O terceiro lugar foi ocupado pelo Twitter, que foi de 1,5% para 2,4%. Para 2014, as previsões da eMarketer são bastante otimistas para esse setor: a taxa de crescimento da verba utilizada por agências para anunciar em smartphones e tablets deve diminuir para 75% - o que não é exatamente um problema, considerado o aumento do último ano -, alcançando US$ 34 milhões.

A eMarketer ainda prevê que o Google perca ainda mais espaço nesse cenário, indo para 47% do total arrecadado com anúncios em smartphones e tablets; já Facebook e Twitter continuarão a crescer, com 21,7% e 2,6% da fatia do bolo, respectivamente.

Via EmResumo

Cupons de desconto TecMundo: