Google Chrome receberá recursos experimentais, da mesma forma que o Gmail

1 min de leitura
Imagem de: Google Chrome receberá recursos experimentais, da mesma forma que o Gmail
Avatar do autor

A Google anunciou que o mecanismo que disponibiliza recursos em fase de testes, como ocorre com o Gmail, também será disponibilizado para o browser da empresa. A página conhecida como Labs oferta aplicativos que ainda são experimentais aos usuários comuns.

A implementação de plugins e recursos em desenvolvimento já era possível no Chrome. Entretanto, a necessidade de ativá-los por linhas de comando era motivo de grande reclamação.

Para facilitar a vida dos “clientes” do seu navegador, a multinacional anunciou que em breve isso será possível no mesmo esquema que acontece com o Gmail: basta acessar a página chamada Labs e escolher as ferramentas que deseja instalar.

Segundo o blog Google Operating System, a última versão do navegador lançada para desenvolvedores (Google Chrome 7 Dev) possui compatibilidade para esse mecanismo. Para acessá-lo basta inserir about:labs na Barra de endereço.

Seção de aplicativos experimentais do Chrome.

Fonte: Google Operating System

Quer ter uma noção do que é possível sem instalar a versão do browser para desenvolvedores? Acesse as propriedades do atalho do Google Chrome e acrescente a string --enable-vertical-tabs ou --enable-expose-for-tabs no final do caminho indicado no campo “Destino” da aba “Atalho”.

Abas apresentadas no canto esquerdo da tela.

No primeiro caso, por exemplo, as abas passarão a ser apresentadas no canto esquerdo da tela, formato muito útil para quem usufrui de monitores no estilo widescreen. A ideia do Labs é avaliar o funcionamento dos aplicativos desenvolvidos diretamente na árdua atuação no dia a dia dos usuários. Enquanto a página simplificada não está disponível nos navegadores comuns, teremos que continuar inserindo ferramentas pelo atalho do Chrome.

Categorias

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Veja também
Google Chrome receberá recursos experimentais, da mesma forma que o Gmail