(Fonte da imagem: Divulgação/Makani Power)

Talvez você nunca tenha ouvido falar dela, mas a Makani Power é uma companhia responsável pela concepção e fabricação de geradores eólicos aéreos. A empresa foi recentemente adquirida pela Google, para atuar especificamente junto ao Google X Lab, o laboratório secreto da gigante da web.

Essa seção misteriosa da companhia é responsável pelo desenvolvimento de projetos futuristas e, conforme relatou o Bloomberg Businessweek, o acordo que selou a negociação entre as duas empresas não teve valores revelados. Além disso, a negociação teria sido aprovada pessoalmente por Larry Page, cofundador e a atual presidente-executivo da Google.

A Businessweek revelou também que a Google é sócia da Makani Power desde 2007, sendo que esta aquisição é a única conhecida feita pelo Google X — o laboratório é relativamente pouco conhecido, pois pouca informação sobre ele é divulgada. Apesar disso, este é o lugar onde se concebem produtos como os carros autônomos da Google e o Project Glass.

De acordo com uma longa matéria publicada na versão digital da revista, o laboratório foi criado para servir aos propósitos da Google sem estar limitado pela moderação da academia nem pressionado pelo mundo dos negócios.

Google gerando energia nos ares?

Recentemente, a Makani Power realizou testes com o seu protótipo Wing 7, uma turbina de quase 80 metros de comprimento. O equipamento é capaz de voar a uma distância que vai de 2,4 mil a 6 mil metros de altura, gerando eletricidade em suas quatro hélices.

O equipamento é mais versátil do que turbinas eólicas estacionárias e, de acordo com um engenheiro envolvido no projeto, se obter sucesso, ele pode poupar o uso de combustíveis fósseis. Enfim, um dispositivo que voa e gera energia ao mesmo tempo.

Cupons de desconto TecMundo: