(Fonte da imagem: Reprodução/Google)

O Brasil continua mantendo sua alta posição no ranking de pedidos de remoção de conteúdo do Google. De acordo com a empresa, o país foi o que mais solicitou a retirada de páginas da ferramenta entre os meses de julho e dezembro. Ao todo, foram 697 pedidos, um crescimento de 265% em relação ao primeiro semestre.

Segundo a gigante das buscas, quase metade dos pedidos esteve relacionado a violações do Código Eleitoral Brasileiro e se deu durante o período de campanha das eleições municipais. Do total de solicitações, apenas 35 foram atendidas, enquanto as outras continuam em processo na justiça por estarem de acordo com a Constituição, no que toca o direito à liberdade de expressão.

Os Estados Unidos ficaram em segundo lugar, com 321 pedidos de remoção de conteúdo. Acesse o relatório completo na página oficial.

Cupons de desconto TecMundo: