(Fonte da imagem: Information Zone PK)

Após uma semana de bloqueio, o governo do Irã informou que já reativou o acesso dos usuários do país aos serviços Google e Gmail. A restrição foi aplicada por engano enquanto o país tentava bloquear o acesso ao YouTube por meio de uma rede de informações interna.

De acordo com as autoridades iranianas, o departamento de telecomunicações ainda está estudando maneiras de impedir o acesso dos cidadãos ao serviço de vídeos. A ideia é bloquear o YouTube sem reflexos nos outros serviços do Google, algo que, de acordo com o porta-voz da nação, “vai acontecer em breve”.

A restrição se relaciona à polêmica que envolve o filme “A Inocência dos Muçulmanos”. A produção satiriza Maomé e gerou uma onda de protestos violentos em todo o mundo.

Fonte: Olhar Digital

Cupons de desconto TecMundo: