Talvez você não saiba, mas o serviço de buscas do Google é alimentado com dados obtidos por “bots” – aplicativos desenvolvidos pela empresa para vasculhar o conteúdo presente na internet. No entanto, até pouco tempo atrás, esse mecanismo ainda apresentava algumas limitações.

Contudo, toda vez que os bots encontravam páginas carregadas por JavaScript (especialmente do tipo AJAX, que permite a produção de conteúdo interativo), a sua busca parava. Afinal, eles eram programados apenas para buscar a web, e não para interagir com o seu conteúdo.

Recentemente, no entanto, o desenvolvedor Alex Pankratov notou que os bots do Google estão agindo de modo diferente. Em seu blog, ele postou como percebeu que os aplicativos da empresa estão interagindo com o conteúdo JavaScript de maneira a imitar a o modo como seres humanos acessam essas páginas – algo que aumenta ainda mais o alcance da busca oferecida pelo Google.

Fonte: Ars Technica, Swapped

Cupons de desconto TecMundo: