(Fonte da imagem: Divulgação/Google)

Estilizar ainda mais os serviços parece ser a nova estratégia da Google para seus principais produtos. A nova empreitada da empresa seria registrar domínios genéricos personalizados, de acordo com o nome de seus sites. Isso possibilita páginas que não terminem no tradicional “.com”, mas em “.google”, por exemplo.

De acordo com a PC Mag, a Google confirmou que entrou com uma ação para registrar domínios de suas marcas, mas não informou quais entrariam no acordo. Pelo panorama atual, podemos esperar a criação de páginas “.youtube”, “.gplus” e “.gplay”, entre outros serviços e variações.

Os pedidos para a Internet Corporation for Assigned Names and Numbers (ICANN), órgão que cuida desses registros, acabou nessa quinta-feira (12), mas o resultado ainda não foi divulgado por nenhum dos lados.

Desde a metade do ano passado, qualquer pessoa ou organização foi autorizada a criar um domínio genérico na ICANN, desde que pague a taxa de US$ 185 mil (aproximadamente R$ 340 mil). Em dezembro de 2011, foi lançada a primeira terminação personalizada sob essas leis, o polêmico “.xxx”.

Cupons de desconto TecMundo: