(Fonte da imagem: Divulgação/Google)

Uma pesquisa realizada no Reino Unido revelou dados bastante curiosos sobre os hábitos educacionais da população infanto-juvenil no país. Segundo Dr. Pam Waddell, da Birmingham Science City, 54% das crianças que têm entre 6 e 15 anos preferem recorrer ao Google quando querem perguntar algo, deixando de lado os pais e até professores.

O levantamento foi realizado, em forma de questionário, com 500 crianças britânicas, mostrando que apenas um quarto delas recorre primeiro aos pais quando têm alguma dúvida. Além disso, mais de 20% dos entrevistados disseram nunca ter usado um dicionário impresso, enquanto que quase metade deles admitiu nem saber o que é uma enciclopédia.

Em entrevista com o Daily Mail, Waddell comenta que o objetivo da pesquisa era saber o quanto a iniciativa de exploração e descoberta das crianças tem sido influenciada pela era digital, agora que computadores e a internet estão amplamente difundidos na sociedade. Dr. Pam também diz que a descoberta não é de todo mal, pelo contrário: “O fato de eles estarem aptos a usarem a tecnologia para aprender é um bom sinal para o futuro”, conclui.

Cupons de desconto TecMundo: