A Google está criando muitas expectativas para seu evento do dia 4 de outubro, mas está parecendo que a grande notícia do dia pode não ser sobre os novos smartphones da empresa, mas sim sobre um novo sistema operacional. Um híbrido de Android e Chrome OS que a empresa estaria chamando de “Andrômeda” por enquanto. Fora isso, novas evidências sugerem que a empresa estaria fazendo testes com tal SO no antigo Nexus 9.

Não há especulações ou informações mais concretas sobre o porquê disso, mas se suspeita do fato de a companhia estar pensando em usar o Andrômeda em tablets, assim como em aparelhos híbridos, como o Pixel C.

Rastros

Segundo uma pesquisa do 9to5Google no Android Open Source Project (AOSP) do Nougat 7.0, foram encontradas várias menções ao tablet da HTC junto com detalhes sobre o tal SO Andrômeda. Um dos rastros mais interessantes seria o deixado pelo teste “SurfaceCompositionTest.java”, que faz uma análise básica do hardware do dispositivo antes de iniciar o sistema operacional.

Esse teste normalmente tem como finalidade em outras plataformas aferir uma nota ao conjunto de hardware, especialmente à GPU, para determinar se é possível rodar um sistema qualquer. O Andrômeda precisaria de uma nota “8.0” ou superior nesse teste, enquanto o Android tradicional requereria apenas “4.0”.

Há também outras menções ao tablet ao lado do suposto SO Andrômeda que não fornecem informações muito claras, mas parecem ser relatórios de alguns experimentos com o aparelho e o software em questão.

Por conta disso, acredita-se que, ao lado dos novos Pixel e Pixel XL, a Google vá lançar o Andrômeda junto com algum aparelho híbrido. Além disso, a companhia pode mostrar uma nova versão do Chromecast com suporte a 4K, um roteador inteligente e o tão esperado Google Home. Fique de olho na nossa cobertura para saber mais.

Cupons de desconto TecMundo: