Não há dúvidas de que a Google é a dona absoluta da internet. Uma nova prova disso é um hotsite da própria gigante das buscas, recém-inaugurado, que mostra, basicamente, quantas URLs foram removidas pela empresa no mundo da web, seja por violação de direitos autorais, conteúdos inapropriados ou quaisquer outras infrações que precisaram ser negadas pela companhia. Nada menos que 1,75 bilhão de URLs foram varridas da internet pelo Google.

O número é impressionante. Para que se tenha um parâmetro, cerca de 40 milhões de derrubadas representam apenas 2,1% do total. Sim, 40 milhões são uma “formiguinha” perto daquilo que o Google remove da internet. Há também duplicações nos pedidos.

O valor é astronômico. E isso que a gigante tem de processar as solicitações em uma bateria de quatro etapas:

  • Os donos de direitos enviam notícias de retirada por “material que infringe direitos autorais”;
  • A Google revisa os pedidos para ver se entra em conformidade com eles ou não;
  • A Google envia uma notificação ao dono do conteúdo, que pode arquivar uma “contra-notificação”, seja por meio de um argumento ou através da remoção de conteúdo ofensivo;
  • A Google decide se vai retornar ou não a página em questão aos resultados de busca.

Essa ferramenta não é exatamente inédita, mas, com o número exorbitante de sites removidos, acabou ganhando destaque. Clique aqui para acessar o hotsite da Google.

Cupons de desconto TecMundo: