A Google anunciou nesta quarta-feira (24) que vai passar a priorizar sites mobile que usam o sistema AMP (Accelerated Mobile Pages) no resultado de suas buscas. Segundo a empresa, a iniciativa open source traz diversos benefícios aos usuários, incluindo a possibilidade de carregar mais conteúdos gastando uma quantidade menor de dados no processo.

“Em somente quatro meses, a AMP cresceu muito e foi adotada por centenas de publicadores, diversas companhias de tecnologia e agências de publicidade, todas juntas em uma missão de melhorar a internet mobile para todos”, afirma a Google em seu blog oficial. Segundo a companhia, a solução deve agilizar o acesso a conteúdos interessante e a seu próprio sistema de buscas, que também foi modificado de forma a se adaptar ao padrão.

“O AMP é ótimo para navegar em dispositivos mobile, porque as páginas construídas para ele carregam em média quatro vezes mais rápido e usam 10 vezes menos dados que o equivalente em páginas sem o sistema”, afirma a organização. Segundo ela, muitos dos conteúdos surgem de forma automática na tela, mesmo quando conexões com velocidade limitada são usadas.

O TecMundo faz parte da primeira leva de sites brasileiros que estão sendo adaptados ao novo sistema de navegação da Google, que surge como um concorrente direto aos Artigos Instantâneos do Facebook.  Atualmente, a Gigante das Buscas trabalha com um número ainda limitado de editores de forma a se certificar que a iniciativa vai trazer os frutos esperados aos usuários.

O que você pensa sobre a decisão da Google? Comente no Fórum do TecMundo

Cupons de desconto TecMundo: