O governo da Espanha está prestes a taxar o Google e outros mecanismos de buscas pela pesquisa de notícias no país. Uma nova lei, aprovada ontem (30) pelo parlamento espanhol, permitirá que as publicadoras cobrem, a partir de 2015, pela disponibilização de qualquer tipo de conteúdo jornalístico nos portais de pesquisa.

A nova regra entrará em vigor a partir do primeiro dia do ano na Espanha, mas não estabelece um valor que será cobrado aos sites pela filtragem das notícias. A divisão espanhola do Google comentou, em nota pelo mesmo dia, que estava decepcionada com o resultado e que buscará uma parceria com as empresas do país para aumentar a receita financeira de ambas as partes.

A situação é similar à do ano passado, quando o Google concordou em ajudar as empresas da França com mais retorno publicitário em vez de sofrer as penalidades financeiras — as mesmas que em breve estarão em vigor na Espanha.

Cupons de desconto TecMundo: