A batalha da Google contra as notícias fake não vem de hoje. A Gigante das Buscas já removeu sites de informações falsas da sua rede de anúncios (assim como o Facebook), mas ela está querendo ir além. Afinal, dados criados para enganar o usuário não é nada bom. Para isso, uma nova ferramenta está sendo implementada.

Chamado de “Fact Checks” e trata-se de uma pequena janela de verificação extra na qual empresas terceiras, como Snopes, PolitiFact e mais algumas comprovam a veracidade do que é exibido ali. Isso significa que todos os sites e posts serão verificados? Não. Essa ferramenta será reservada para publicações mais procuradas e com maior relevância.

Verificação de pesquisa

No exemplo, vemos a pesquisa “27 milhões de pessoas escravizadas” retornar com um sinalizador de que o artigo indicado tem “grandes chances de ser verdade”, enquanto no outro caso, o retorno deu como “Falso”.

Por ora, apenas algumas empresas parceiras estão trabalhando, mas a Google quer que outras 115 ajudem no futuro. Contudo, a qualidade é o que importa, e a Gigante das Buscas quer que as companhias sejam algoritmicamente determinadas a ser fontes de informação autênticas.

Cupons de desconto TecMundo: