Após meses de rumores e diversas renderizações, agora podemos ver qual vai ser o visual final do Google Pixel e de sua versão XL. Responsáveis por dar um fim ao uso da nomenclatura Nexus — ao menos no momento atual —, os gadgets apresentam bordas arredondas e um leitor de impressões digitais localizado em suas partes traseiras.

As fotos confirmam algumas características esperadas, como a presença de um acabamento em alumínio (característica já comum entre produtos top de linha). Estranhamente, alguns elementos dos gadgets surgem de forma borrada, decisão que talvez tenham o intuito de proteger algumas informações que só devem ser apresentadas durante o evento que marca a revelação oficial das novidades.

Os produtos são marcados pelas bordas arredondadas

O leitor de digitais surge como o destaque da parte traseira

Com lançamento aguardado para o dia 4 de outubro, o Pixel deve ter uma tela de 5 polegadas, enquanto a versão XL vai contar com um display de 5,5 polegadas. Fabricados pela HTC, os smartphones devem trazer o chipset Snapdragon 821, 4 GB de memória RAM e câmeras traseiras de 12 megapixels — uma curiosidade é o fato de que os produtos devem contar com uma variação azul, cor pouco usada por outras opções do mercado.

Apresentando a versão “limpa” do Android 7.0 Nougat, o Google Pixel pode ter um preço de entrada um tanto salgado. Rumores recentes indicam que a versão básica do gadget, com 32 GB de armazenamento, deve sair por US$ 649 (R$ 2.105), valor considerado alto até mesmo para os padrões norte-americanos. A informação vem acompanhada por indícios de que a Google deve oferecer algumas opções de financiamento para aqueles que não podem gastar essa quantia de uma só vez.

Cupons de desconto TecMundo: