Imagem está disponível no serviço desde 2009 (Fonte da imagem: Reprodução/Google Maps)

Uma foto de satélite inserida no Google Maps acabou retratando uma cena de crime nos EUA. Um adolescente aparece morto, estirado próximo a uma linha férrea, enquanto alguns policiais avaliam a situação. Quando o pai da vítima soube que o rapaz estava aparecendo na imagem do serviço de mapas, ele fez um pedido à Google para que a cena fosse retirada do ar, o que parecia improvável, já que a plataforma funciona de forma completamente automática. Ainda assim, a companhia se mostrou interessada em resolver a situação e disse que, em cerca de oito dias, poderá atualizar a imagem do local.

Em uma declaração ao CNET, a Google comentou que nunca havia trocado imagens do Maps fora do planejamento do satélite e que isso não é uma tarefa tão fácil como se poderia imaginar. “A empresa nunca acelerou a substituição de imagens de satélite, mas, por conta das circunstâncias, nós quisemos fazer uma exceção nesse caso”, explicou o vice-presidente do Google Maps, Brian McClendon.

O corpo do rapaz que aparece nas imagens foi encontrado em 15 de agosto de 2009, em Richmond, na Califórnia. O garoto tinha apenas 14 anos quando foi assassinado.

Cupons de desconto TecMundo: