Sem Google Maps, iPhone 5 tem brilho ofuscado. (Fonte da imagem: Reprodução/Getty images)

A falta do Google Maps no novo SO móvel da Apple tem rendido muita discussão e principalmente uma série de reclamações. Contudo, esperava-se que a gigante das buscas não demorasse a lançar na App Store uma versão do seu aplicativo para o iOS. Mas para acabar com as esperanças de muitos, o ex-CEO da Google, Eric Schmidt, afirmou que a empresa está alheia à situação. “Não fizemos nada ainda”, disse.

Fora isso, o executivo revelou que a companhia respeita a decisão da Apple em não incluir nativamente o app da empresa no SO. “O que podemos fazer? Forçá-los a mudar de ideia?”, comentou Schmidt. Com isso, rumores que falavam de um possível pedido de liberação do Google Maps para a Apple Store caem por terra, deixando quem atualizou o iOS sem previsões para receber o serviço.

Outra grande figura que comentou sobre a troca de aplicativos de mapas no iOS 6 foi Steve Wosniak, cofundador da Apple e entusiasta do Android. Para ele, parece que as pessoas estão reclamando mais do que o necessário sobre o serviço de navegação da Maçã. “Eu tenho lido sobre os problemas, e não sei se eles são tão severos”, comentou ele em conversa com o site ZDNET.

Ainda assim, Wosniak revelou que ele próprio já teve suas frustrações com o iPhone 5. “Não consegui chegar a lugar algum navegando por voz”, disse.

Fonte: ZDNET e Reuters

Cupons de desconto TecMundo: