Embora atualmente o Google Glass não tenha sua disponibilidade tão restrita quanto no momento em que o aparelho foi revelado, a Google ainda considera o dispositivo um projeto em fase Beta. No entanto, uma mudança recente nos termos de venda do aparelho sugere que essa postura pode mudar em breve, resultando no lançamento comercial dos óculos inteligentes.

“Se a Google reduzir o preço do dispositivo em até 30 dias após seu pedido, você deve contatar o Suporte da Google dentro de 30 dias para pedir uma devolução ou creditar a diferença entre o preço que você pagou e o valor reduzido”, afirma o novo contrato estabelecido pela empresa. “A Google também pode oferecer ofertas ou preços promocionais durante a liquidação de dispositivos. Nesse caso, qualquer termo aplicável vai ganhar prioridade em caso de conflitos com o que foi estabelecido”, complementa o texto.

Essa é a primeira vez que a companhia fala abertamente sobre uma possível mudança de preço para o Google Glass. Embora os termos utilizados façam referência a uma situação hipotética, isso serve como indício de que a organização está atenta a possibilidades futuras e está se blindando contra possíveis problemas que isso pode trazer.

Além das atualizações relacionadas ao preço, a Google também removeu alguns termos que faziam referência ao Glass como um produto em estágio Beta. Embora isso não sugira que a companhia considere o gadget finalizado, serve como um possível indício de uma mudança de atitude voltada a atingir um público mais casual que não necessariamente acompanha o universo da tecnologia.

Cupons de desconto TecMundo: