(Fonte da imagem: Reprodução/TechCrunch)

Nos últimos dias, a Google exibiu o seu mais novo projeto: o Google Glasses. Trata-se de um par de óculos de realidade aumentada. Com ele, você pode ver imagens projetadas à sua frente, como se você estivesse diante de uma tela de um computador.

A versão lançada inicialmente será a Explorer Edition, um protótipo destinado apenas a desenvolvedores e custando US$ 1.500 (R$ 3.000). A empresa planeja lançar uma versão mais simplificada do produto, destinada ao público comum e com designs diferenciados (afinal de contas, ele faz parte do vestuário). O custo também deverá ser significativamente menor.

Apesar de não ter ainda um preço definido, o líder do projeto e cofundador da Google, Sergey Brin, declarou que o foco é manter o preço na faixa dos US$ 200 a US$ 500 (R$ 400 e R$ 1.000, respectivamente). Brin também disse que o objetivo principal da equipe é criar uma experiência incrível para as pessoas, e não desenvolver o hardware mais barato do mercado.

Durante esse período entre o lançamento das duas versões, a Google conta com os desenvolvedores para criar o máximo possível de aplicações para o dispositivo. Outro ponto a ser discutido é o consumo da bateria: o próprio Sergey Brin sugeriu que a duração total é de aproximadamente seis horas.

Fonte: TechCrunch

Cupons de desconto TecMundo: