Não é de hoje que as desenvolvedoras de navegadores apostam em versões 64 bits para aproveitar ainda mais as vantagens dos sistemas operacionais e a própria arquitetura que tem ainda mais benefícios para oferecer ao internauta que busca um software mais robusto.

A Google vem desenvolvendo uma versão 64-bits do Chrome já tem algum tempo, sendo que o programa já passou por inúmeras versões e correções. Hoje, a empresa anunciou em seu blog oficial que o navegador está pronto para o público mais apressado, sendo que uma versão beta já está disponível para quem quiser testar as novidades.

As mudanças acontecem apenas na programação do produto, portanto não espere novidades na interface. Agora, se você é um internauta que adora fuçar todo tipo de recurso, é possível se deparar com algumas modificações na execução de aplicações gráficas (apps e sites que usam a aceleração de hardware) e de conteúdos multimídia.

Vale ressaltar ainda que o Google Chrome 64 bits deve sim apresentar melhoria na velocidade de carregamento e processamento, tanto por usar os recursos mais avançados do processador quanto por gerenciar a memória RAM de forma otimizada. Na prática, isso quer dizer que os tempos de inicialização e loading das páginas devem diminuir.

Para quem costuma manter o navegador aberto por longos períodos e com uma infinidade de abas abertas (pense em dezenas ou centenas de sites carregados simultaneamente), os travamentos devem diminuir consideravelmente. É claro que você deve estar ciente de que esta versão ainda está em testes, sendo que erros e bugs podem aparecer.

Também não é possível garantir que o Chrome para sistemas 64 bits seja o navegador mais seguro da atualidade, já que alguns protocolos ainda podem apresentar problemas. Portanto, use com cautela e evite acessar contas pessoais. Agora, vamos aguardar pela versão final do software que deve ser muito mais robustas e trazer melhorias significativas.

Cupons de desconto TecMundo: