Você já aprendeu a bloquear o Gerenciador de Tarefas  no Windows XP, agora vai saber como fazer o mesmo no Windows 7. O Gerenciador é um aplicativo muito útil, pois por meio dele você acessa uma série de informações do sistema.

É possível encerrar programas, abrir novos, executar comandos do sistema, ter uma ideia do desempenho do processador e do consumo de memória por parte de tudo o que está funcionando no PC.

Contudo, se você deseja evitar que pessoas não autorizadas façam uso desta poderosa ferramenta, pode bloqueá-lo. O processo é bem simples e não leva mais que alguns minutos, então, mãos à obra.

Faça você mesmo

Primeiramente é importante deixar claro que este tutorial se aplica apenas às versões empresariais do Windows 7, como as versões Ultimate e Professional. Se você possui uma das duas, siga os passos abaixo e bloqueie o Gerenciador de Tarefas.

Abra o Menu Iniciar e na Barra de pesquisa rápida execute o comando gpedit.msc. Dê um duplo clique sobre o resultado .

gpedit.msc

Você acabou de abrir o Editor de Diretiva de Grupo Local. Lá, siga este caminho: Configurações de Usuário > Modelos Administrativos > Sistema > Opções de Ctrl + Alt + Del. Na janela abaixo acesse a opção “Remover Gerenciador de Tarefas” com um duplo clique.

Editor de Diretiva de Grupo Local

Como você quer remover o Gerenciador de tarefas, deve marcar a opção “Habilitado” na janela que se abriu. Clique em “Ok” para confirmar a alteração.

Habilite a remoção do Gerenciador de Tarefas!

Pronto! Você acabou de desativar esta ferramenta do Windows.

Cupons de desconto TecMundo: