Com público recorde, terminou no último sábado a gamescom 2011, o maior evento de games da Europa. Cerca de 275 mil pessoas passaram pelo centro de exposições Koelnmesse, na cidade alemã de Colônia, para conferir as novidades dos 557 expositores. Lá, estavam presentes desde grandes expoentes do mercado, como SonyMicrosoft e Electronic Arts, além de pequenos desenvolvedores, muitas vezes apresentando seus primeiros projetos aos aficionados por jogos.

A grandiosidade do evento, que compõe a tríplice das maiores feiras de games do mundo, ao lado da E3 e Tokyo Game Show, faz com que as empresas guardem as grandes revelações para o acontecimento. Em 2011 não foi diferente. O que se viu foi uma imensa quantidade de anúncios de jogos, novos trailers, vídeos e, acima de tudo, muito conteúdo para você que respira video game.

Acompanhar tudo isso, porém, é tarefa difícil e, caso você não tenha passado todos os dias de gamescom 2011 na frente do computador, pode ter perdido algumas novidades. Pensando nisso, o Baixaki Jogos compilou uma lista do que de melhor rolou durante o evento.

Chuva de Vídeos: porque mostrar é melhor que falar

A divulgação de vídeos e imagens começou antes mesmo da abertura das portas do centro de exposições. Apesar da gamescom 2011 ter começado oficialmente apenas em 17 de agosto, a as novidades começaram a aparecer já no dia anterior, com Resident Evil: RevelationsGears of War 3Ultimate Marvel Vs. Capcom 3 e DotA 2 sendo exibidos em vídeos de jogabilidade ou trailers cinemáticos.

A coisa não foi diferente nos dias que se seguiram. Ezio e Altaïr foram colocados lado a lado em um novo vídeo de Assassins Creed: Revelations enquanto Drake fugia de balas para invadir um avião inimigo em novas cenas de Uncharted 3: Drake’s Deception. Enquanto isso, o “novo” Dante mostrava que seu visual é o que menos importa em DmC: Devil May Cry.

Portáteis em foco: grandes jogos em seu bolso

Os consoles portáteis foram o grande foco da conferência da Sony na gamescom 2011. Além de anunciar um novo modelo de PSP, mais barato e sem Wi-Fi, a empresa apresentou diversos jogos para o Vita. O principal deles foi Resistance: Burning Skies, novo episódio da franquia de tiro em primeira pessoa na qual a sobrevivência da raça humana vai receber uma grande ajuda das funções exclusivas do novo console.

Img_normalOutro grande foco da Sony foi o mundo de possibilidades propiciado pela utilização da realidade aumentada. Fazendo uso da câmera traseira do PlayStation Vita, jogos como LittleBigPlanet e Reality Fighterstransformarão o mundo real em video game, transformando objetos do cotidiano dos usuários em artigos que podem ser utilizados nos jogos.

Foi anunciado ainda que o PlayStation 3 terá mais uma queda de preço. Uma redução de 25% trará o preço da versão de 160 GB do aparelho para a faixa dos US$ 249, cerca de R$ 395.

Kinect de mãos dadas com a Ubisoft

Ubisoft, que reina no mundo dos jogos de dança, levou quatro títulos do gênero para o Kinect. Para a Microsoft, a empresa é sua grande parceira no fortalecimento do sensor de movimentos, com títulos como Raving Rabbids: Alive & KickingJust Dance 3The Black Eyed Peas Experience e Your Shape: Fitness Evolved 2012.

Jogos como Steel Battallion: Heavy Armor, por outro lado, estão aí para provar que o Kinect também pode permitir jogabilidade hardcore. Outros grandes exemplos disso são Forza Motorsport 4 e Mass Effect 3, que utilizarão os recursos do sensor de maneira adicional à jogabilidade convencional com o joystick.

Para a Microsoft, o evento também foi o palco de mais demonstrações do Twist Control, a nova interface integrada ao Kinect do Xbox 360. Além disso, a empresa falou um pouco sobre as novidades da próxima versão do Windows Phone 7. A ideia é deixar os jogadores ainda mais conectados por meio de uma unificação de plataformas. Isso significa que a LIVE que você utiliza no Xbox 360 será totalmente ligada à rede do seu celular.

O foco nos PCs: poderio gráfico é a chave

Para a Epic Games, a gamescom 2011 foi a hora de falar em uma mudança de direção. Com o anúncio de cinco novos games, a empresa informou que a ideia agora é desenvolver jogos com equipes menores, que trabalhem de forma mais unificada. Os PCs também passarão a ser a “plataforma primária” na produção dos títulos, devido a seu potencial superior ao dos consoles.

Chegando a jato, literalmente

A colocação de um caça real em pleno pavilhão da gamescom 2011 mostrou a disposição da Electronic Arts para o evento. A ideia era ser maior do que todos os outros, chamar a atenção para seus jogos e mostrar ao mundo algumas novidades. Dá para dizer que a empresa foi bem sucedida na tarefa.

Começando pela dupla dinâmica, os dois maiores títulos da empresa para o futuro próximo: FIFA 12 e Battlefield 3. O primeiro, considerado pela desenvolvedora como “o melhor jogo de esportes do mundo”, ganhou um novo sistema de dribles e uma mecânica mais realista. Já o FPS apareceu em uma demonstração explosiva do modo multiplayer com 64 jogadores ao mesmo tempo.